Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Bastardos de Tele NOVELAS
04/12/2021 21:34 em Poema

 

Por Everton Luiz Cidade

 

 

Aos bastardos de telenovela o céu

Com ou sem pão com ou sem pipa

Pau e polpa - as sobras nas dobras, meu bem -

Só salva agora tuas cochas, mas, mais ainda

Esquentar meu rabinho de tiroteio nas colchas

Da tua cama de dama drama

Estou num processo dub

Eu sinto

A fio

O amante condecora a desforra

No passeio da hora

A mil.

 

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!